Donativos

Donativo monetário

As doações monetárias são a melhor forma de ajudar as pessoas carenciadas ou vítimas de desastres, porque o dinheiro pode, de forma muito rápida e simples, ser transferido para qualquer conta bancária ou convertido imediatamente nos bens necessários, em qualquer parte de Portugal ou do mundo. Desta forma, a Cruz Vermelha pode usar o seu forte poder de compra para beneficiar o maior número de pessoas e ajustar a resposta muito rapidamente a necessidades e prioridades variáveis.

Notas importantes: ao abrigo do Estatuto do Mecenato e não importando a forma do donativo (pontual ou regular), a Cruz Vermelha Portuguesa entregará um recibo onde é discriminado o montante doado, que poderá ser utilizado para deduções nos seus impostos. Para saber mais sobre recibos de donativo, clique aqui. No caso dos donativos angariados para um serviço/actividade/campanha nacional excederem o montante necessário, estes serão depositados no Fundo Geral para Desenvolvimento de Actividades Nacionais da Cruz Vermelha Portuguesa.

Donativo de artigos

Cheias, incêndios, terramotos, tempestades e guerras, entre outros desastres, geram sempre grandes movimentos de solidariedade nos indivíduos e nas comunidades. As imagens destas situações divulgadas pelos Media levam muita gente a querer dar imediatamente alguma coisa para os afectados.

Os donativos de artigos, como vestuário, calçado, cobertores ou mobiliário, podem ser recursos valiosos numa acção de emergência. No entanto, os donativos mal orientados podem também ter o efeito de dificultar o esforço de resposta à emergência, como por exemplo, quando contribuições inapropriadas ou excessivas chegam ao local do desastre e impedem a distribuição dos artigos de primeira necessidade.

Para não correr o risco de vir a receber artigos que não se adeqúem às necessidades ou não cumpram determinados requisitos, a Cruz Vermelha Portuguesa está obrigada a seguir normas de qualidade que pretendem padronizar os artigos, conferindo-lhes um nível mínimo de qualidade em todo o mundo.

Para o efeito, segue as directivas do manual de logística da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho – Emergency Items Catalogue – desenvolvido com base em mais de 140 anos de experiência em cenários de intervenção operacional.

Neste sentido, a Cruz Vermelha Portuguesa procura ser sempre clara no que respeita ao tipo de artigos que mais necessita e não descura o seu critério de qualidade.

Notas importantes: antes de efectuar qualquer donativo de artigos, aconselhamos um contacto prévio à Cruz Vermelha Portuguesa para conhecer as nossas necessidades mais urgentes e aptidão para aceitação do donativo. Ao abrigo do Estatuto do Mecenato, a Cruz Vermelha Portuguesa entregará um documento onde comprova que aceitou e recebeu os artigos ou serviços doados, referindo-se o custo de aquisição ou produção dos mesmos, que poderá ser utilizado para deduções nos seus impostos. No caso do valor do custo de aquisição ou produção ser desconhecido, será emitido um documento comprovativo da entrega, sempre que solicitado. Para saber mais sobre recibos de donativo, clique aqui.