PayPalMB WAYnr fiscal cvp 55d50 Subscrever Newsletter Doar

Pesquisa Facebook Instagram Twitter Flickr redes youtube

Encontre aqui a Cruz Vermelha mais próxima de si.

sexta-feira, 09 outubro 2020 12:48

Cruz Vermelha Portuguesa e Instituto de Medicina Molecular reforçam capacidade de testagem à COVID-19

No âmbito de uma parceria entre o Instituto de Medicina Molecular (iMM) e a Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), entra em pleno funcionamento uma nova estrutura situada em Lisboa que permitirá aumentar a capacidade de testagem à COVID-19 entre 1 200 e 2 000 testes diários. Esta infraestrutura é composta pelo Centro de Diagnóstico Molecular COVID-19 do iMM, financiado pela Sociedade Francisco Manuel dos Santos e pelo Grupo Jerónimo Martins, e por um Posto fixo de testes da CVP com circuito de drive-through (de carro) e walk-through (a pé).

A operação agora montada, resultante de um protocolo que visa a realização de testes de diagnóstico molecular para a COVID-19 (os testes de RT-PCR), tem como objetivo incrementar a capacidade de testagem na região de Lisboa e Vale do Tejo, uma das áreas do país onde se tem verificado o aumento mais expressivo do número de casos de COVID-19.

Para obterem informações ou realizaram os seus testes, os interessados poderão fazê-lo através de uma chamada  telefónica para a linha 1415 (custo de chamada local), sendo que em breve estará disponível a possibilidade de agendamentos online.  

O posto fixo de testes funciona das 9h às 18h, de segunda a sexta-feira, podendo este horário vir a ser alargado consoante as necessidades identificadas. Quem pretender optar pelo sistema drive-through não precisa de sair da sua viatura para fazer a confirmação de inscrição no local (check-in) e ser testado. No caso de walk-through, o trajecto será feito a pé.

O novo circuito de drive-through e walk-through localiza-se no Lar Militar da Cruz Vermelha Portuguesa, na Rua Rainha Dona Amélia, nº 51, em Lisboa, numa zona com bons acessos, a 600m da Estação de Metro da Quinta das Conchas e perto de uma paragem do autocarro 747 da Carris.

O Centro de Diagnóstico Molecular COVID-19 do iMM, onde as amostras serão analisadas, tem um horário de funcionamento das 9h às 23h. A articulação entre o iMM e a CVP permitirá, assim, que os resultados sejam disponibilizados no próprio dia, desde que o teste seja feito até às 13h, e no dia seguinte nos restantes casos.

Para Maria Manuel Mota, diretora executiva do iMM, “Este centro consolida e amplifica a resposta iniciada pelos nossos cientistas que desde o início da pandemia, procuraram soluções desenvolvidas em Portugal para a realização de testes de diagnóstico e assim apoiar a capacidade de testagem da COVID-19 no país. Agora, com o apoio fundamental da Sociedade Francisco Manuel dos Santos e do Grupo Jerónimo Martins, melhoramos a oferta disponibilizada, garantindo uma resposta eficiente e estruturada a esta pandemia com a aposta neste novo centro de testes. Este é um problema de todos e a mobilização de diferentes setores da sociedade, como é o caso deste projeto, será seguramente um elemento diferenciador na forma como coletivamente solucionaremos esta pandemia".

Francisco George, Presidente da Cruz Vermelha Portuguesa, refere que “Multiplicar a capacidade instalada para diagnóstico laboratorial de testes é um desafio que está ao nosso alcance. Para tal, todos são chamados a agir. Foi o que aconteceu com a Sociedade Francisco Manuel dos Santos e o Grupo Jerónimo Martins através de um financiamento exemplar”.

José Soares dos Santos, administrador executivo da SFMS e administrador não executivo do Grupo Jerónimo Martins, destaca “que a Sociedade Francisco Manuel dos Santos e o Grupo Jerónimo Martins responderam mais uma vez ao momento difícil que os portugueses  vivem, assegurando integralmente o financiamento do Centro de Diagnóstico Molecular COVID-19 do iMM e procurando, assim, ajudar o país a ultrapassar a situação em que nos encontramos”.

Partilhar