Doar

Pesquisa Facebook Instagram Twitter Flickr redes youtube

Encontre aqui a Cruz Vermelha mais próxima de si.

quinta-feira, 30 setembro 2021 00:48

Apelo Humanitário

Mulheres e crianças refugiadas. 

 

A crise humanitária no Afeganistão impõe, naturalmente, respostas nacionais no quadro do apoio a refugiados. Em especial, a crianças. Nestes termos, atendendo à necessidade de mobilizar cidadãos, a sociedade civil, empresas e todos os sectores, os abaixo assinados criam um Fundo para apoio a mulheres e crianças refugiadas em Portugal, ao abrigo dos programas de acolhimento conduzidos pelo Estado Português.

Este Fundo destina-se a dar resposta a necessidades acrescidas ao nível da saúde e educação e será administrado pela Cruz Vermelha Portuguesa em conjunto com a Associação “Corações Com Coroa” na perspectiva da promoção igualdade de género. O presente Apelo estará em vigor até ao final do ano em curso, pelo que extinguir-se-á no dia 31 de Dezembro de 2021.

Os movimentos financeiros ao abrigo deste Fundo serão públicos e de livre acesso, com observação de exigentes princípios de Ética e Transparência. Todos os donativos podem ser enviados para a Conta da Caixa Geral dos Depósitos com IBAN PT50 0035 0001 0004 3000 4309 1 ou Multibanco | Pagamento de Serviços | Ref: 2 20 20 | Entidade: 222 222 222 

 

Catarina Furtado | Maria José Morgado | Daniel Sampaio | Francisco George

 

FAQs

Qual o propósito da angariação de fundos?

Dar resposta a necessidades específicas no âmbito da educação e saúde a mulheres e crianças refugiadas, em programas de acolhimento, em Portugal. Tendo em conta a actual situação no Afeganistão, 50% desta verba será especificamente dirigida mulheres, jovens até aos 18 anos e crianças afegãs. 

Quais as necessidades abrangidas?

Em necessidades específicas de mulheres e crianças refugiadas não abrangidas pelos critérios estipulados nos habituais programas de recolocação de refugiados. Por exemplo, cuidados de saúde especializados, apoio à integração no mercado de trabalho, formação específica, literacia institucional, reforço de aprendizagem da Língua Portuguesa, acesso a estudo superiores, entre outros.

Em breve disponibilizamos aqui a grelha de critérios.

Quem pode ser apoiado?

Mulheres e crianças refugiadas, oriundas de qualquer país, que já estejam em Portugal ou que cheguem a território nacional, integrados nos programas de acolhimento conduzidos pelo Estado.

Como são identificadas as pessoas apoiadas?

A manifestação de interesse em receber este apoio pode ser feita pelo próprio ou pela entidade de acolhimento através do endereço Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Quem gere este Fundo?

A Cruz Vermelha Portuguesa e a Associação Corações com Coroa com auditoria de  Revisores Oficiais de Contas.

Onde posso acompanhar a gestão deste fundo e os movimentos financeiros?

No site da Cruz Vermelha Portuguesa, Página da Transparência. Pode aceder aqui.

Até quando posso contribuir para este apelo?

Os donativos podem ser feitos até dia 31 de dezembro, 2021

Como posso contribuir?

Através de uma transferência ou depósito Bancário – IBAN PT50 0035 0001 0004 3000 4309 1 ou no Multibando (dados a disponibilizar em breve).

Por quanto tempo se vai prolongar o processo de ajuda?

O Apelo extingue-se dia 31 de dezembro de 2021 mas o apoio mantém-se até que seja esgotado o valor angariado. 

Como posso obter o recibo do donativo?

Basta para isso enviar o comprovativo para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Partilhar